fbpx

Maio, o mês do Coração

As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no nosso país. No entanto, são em grande medida evitáveis. No Mês do Coração, mostramos o papel e os benefícios do exercício físico na prevenção das doenças cardiovasculares e expor os perigos do sedentarismo.
Share on facebook
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

As doenças cardiovasculares continuam a ser a principal causa de mortalidade da população portuguesa. No entanto, sabemos que o exercício físico tem um papel importante na sua prevenção.

A atividade física induz vários efeitos positivos para o sistema cardiovascular, nomeadamente sobre as lipoproteínas, associadas ao transporte e remoção do colesterol, sobre os fatores associados a trombose e sobre marcadores inflamatórios, associados à aterosclerose. Para além disso, o exercício tem efeitos na melhoria da hipertensão e na redução da obesidade na diabetes.

O exercício aeróbio é uma das práticas mais benéficas para os doentes cardiovasculares. As atividades aeróbicas como andar, correr, saltar à corda, andar de bicicleta, remo, natação ou ténis melhoram a circulação, a respiração e ajudam a reduzir os valores de tensão arterial e de colesterol.

Em suma, o exercício físico apresenta vários benefícios para quem tem doenças cardiovasculares:

  • Diminui o colesterol e a tensão arterial;
  • Melhora a capacidade de absorver e utilizar o oxigénio;
  • Diminui o cansaço e aumenta os níveis de energia;
  • Melhora a qualidade do sono;
  • Ajuda a pessoa a alcançar ou manter um peso saudável;
  • Contribui para o controlo do stress.

A inatividade física é um dos maiores fatores de risco no desenvolvimento de doenças cardíacas. O sedentarismo contribui para uma evolução clínica desfavorável, nomeadamente problemas de saúde como diabetes, doenças cardiovasculares e cancro.

Algumas consequências de um estilo de vida sedentário são a redução da capacidade vital e débito cardíaco, ou seja, ficar sentado o dia todo diminui a capacidade de captar e utilizar oxigénio e a capacidade de o coração bombear sangue para o corpo todo. Desta forma, os músculos, os órgãos e o cérebro recebem menos oxigénio, menos sangue e menos nutrientes.

Por fim, aconselhamos que siga sempre as indicações do seu médico em relação à periodicidade e duração de cada treino e ao tipo de atividade física mais adequado para si.

Power your life!

Tags

Gostaria de saber mais sobre o Treino eBody

Contacte-me para reservar a minha experiência única eBody® pelo valor promocional de 14,90€.

Siga-nos

Mais do nosso eBlog

Fitness

O regresso do eBody Home (bem) acompanhado!

Treinar em casa com o eBody Home Acompanhado: “O que é?”, “Quem acompanha o meu treino?”, “Quais são os benefícios?”, “Como marco os treinos individualizados online?”. Explicamos-lhe tudo neste artigo.

Fitness

Janeiro, o mês do Detox!

Janeiro é o mês dos recomeços e, por várias pessoas, é também considerado o mês do Detox. Hoje partilhamos consigo 4 estratégias para fazer uma verdadeira desintoxicação do organismo integrada num estilo de vida saudável.

eBlog

Last Call: os presentes de Natal eBody

O Natal está mesmo à porta! Depois de um ano tão desafiante como 2020, chega a altura de celebrar e “respirar” um pouco. Já sabe o que vai oferecer este ano? Na eBody, temos uma sugestão.

Fitness

Guess Who com Mariana Machado

Colocámos um desafio à nossa atleta Mariana, que aceitou com coragem: 20 questões de aquecimento antes de 20 minutos de treino!