fbpx

Exercício físico: um forte aliado no combate à Hipertensão Arterial

No dia 17 de maio comemora-se o Dia Mundial da Hipertensão Arterial, um marco que tem como objetivo alertar e consciencializar para os riscos associados à hipertensão arterial. No artigo de hoje, descubra mais sobre esta patologia.
Share on facebook
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

A Hipertensão Arterial não escolhe idades. Uma patologia silenciosa que afeta milhares de portugueses. Atualmente, a prevalência de hipertensão arterial na população portuguesa é de 42.1% (fonte CUF). 

Deste modo, há a necessidade de reverter este panorama, mas como? Vamos por partes…em primeiro lugar, é importante perceber o que é a hipertensão arterial?

 

Definição

Geralmente, considera-se estar na presença de hipertensão arterial quando a pressão máxima é maior ou igual a 140 mmHg (vulgo 14), ou a pressão mínima é maior ou igual a 90 mmHg (vulgo 9) (fonte SNS24).

O risco de hipertensão arterial alta está diretamente relacionado com o perigo de ocorrência de outras doenças, tais como AVC, angina de peito, enfarte do miocárdio, insuficiência cardíaca, etc. 

 

Causas

Para a prevenção desta patologia é determinante também averiguar quais as principais causas associadas. A obesidade, o excesso de consumo de sal, o stress e a inatividade física são algumas das condições que podem estar na origem da hipertensão arterial

Assim, a hipertensão arterial elevada é o reflexo direto dos hábitos de vida de cada pessoa. 

 

Diagnóstico e Prevenção

Assim, se for uma pessoa com hipertensão elevada, é importante ter em consideração quais as medidas de prevenção. 

  1. Em primeiro lugar, um dos primeiros passos consiste na regular monitorização. Deste modo, é importante medir a pressão arterial, através de um aparelho de medidores de tensão. 
  2. Seguidamente, é necessário alterar hábitos alimentares. Tal como falado, a hipertensão arterial está diretamente relacionada aos nossos consumos diários. Se é uma pessoa que fuma, que tem uma alimentação à base de excesso de sal e álcool, talvez esteja na hora de mudar estes hábitos. 
  3. Opte por realizar exercício físico. A verdade é que o exercício físico é um aliado importante para a prevenção de doenças cardiovasculares. Aliás, em casos de pressão arterial ligeira, o exercício físico pode até normalizar os valores, sem necessidade de recorrer a medicação. 

 

Isto acontece porque a pressão arterial tende a baixar a seguir ao treino: a chamada hipotensão pós-exercício. 

No final de tudo, o exercício físico é o “remédio” mais eficaz a longo prazo, pois potencia a saúde de cada indivíduo, contribuindo para a perda da massa gorda, mas também para a diminuição da gordura visceral. 

Deste modo, o que está à espera? Junte-se à eBody!

Aqui valorizamos tudo ao pormenor. Por isso, em todos os nossos estúdios, medimos regularmente a pressão arterial dos nossos sócios de forma a obter um maior conhecimento sobre a saúde de cada um. 

Para além disso, tendo em conta as especificidades de cada atleta, adaptamos o plano de treino de forma a ir ao encontro do que precisa.  Sabemos tudo sobre si e sobre o seu corpo, respeitando o seu tempo e as suas necessidades. 

Ainda precisa de mais motivos para marcar a sua experiência? Para além de respeitarmos a sua saúde, respeitamos o seu tempo. Connosco precisa apenas de 20 minutos da sua semana. 

Junte-se a nós!

#poweryourlife

Tags

Gostaria de saber mais sobre o Treino eBody

Contacte-me para reservar a minha experiência única eBody® pelo valor promocional de 14,90€.

Siga-nos

Mais do nosso eBlog

Nutrição

Abril: época para contrariar os excessos

O verão está mesmo a chegar! Faltam menos de 3 meses, está na hora de contrariar a gula e preparar a chegada da melhor fase do ano. Saiba como!